Resenha - Tormento, de John Boyne


Livro: Tormento / Autor: John Boyne
Editora: Seguinte / Gênero: Literatura Estrangeira
Páginas: 88 / Ano: 2014
Skoob


     Sabe aquele tipo de livro que é curto e impactante? Essa foi a minha experiência com a leitura deste livro do John Boyne, de apenas 88 páginas. Tormento conta a história de uma família normal, que é abalada por um acontecimento. A mãe de Danny sai de casa certo dia e volta escoltada por dois polícias. A mãe de Danny atropelou um garotinho, que agora está hospitalizado entre a vida e a morte. E por mais que todos digam ao redor que sua mãe não teve culpa, a sra. Delaney não consegue sair de casa, não consegue parar de chorar, não consegue acreditar que tenha atropelado uma criança. O livro é narrado pelo próprio Danny que não entende porque sua mãe mudou tanto. Porque um menino que foi atropelado tem tanta importância? E porque ele não acorda logo, para que sua família volte ao normal? 



Então fechei os olhos e pensei no garotinho, e torci para ele ficar bem, mas algo me dizia que ele não iria ficar e que nada em casa voltaria a ser como antes". 


     O livro mostra de forma clara e aos olhos de uma criança, o que um simples acontecimento é capaz de fazer com uma família. E por ter sido escrito de forma tão pura, traz uma mensagem diferente, parece que tudo fica mais suave, mas ao mesmo tempo muito tocante. Gostei realmente da leitura, e indico. Já sou fã do autor, apesar de ter lido apenas dois livros dele! Escreve realmente muito bem. 


    Por ser narrado por uma criança, o livro fica todo especial, aos olhos de um garoto, os acontecimentos ficam nublados, ele não entende porque ninguém o leve sério, ou porque ninguém é direto e lhe explica logo as coisas. Nos mostra como nós adultos muitas vezes estamos alheios aos sentimentos dos pequenos que nos cercam, e como as crianças tem dificuldade de transpor essas barreiras, de como utilizam de artimanhas para se mostrarem visíveis. Recomendo a leitura. 


Sinopse: 
Danny Delaney curtia tranquilamente as férias, até que sua mãe volta pra casa tarde da noite, escoltada por dois policiais. Ele logo percebe que algo terrível aconteceu. A sra. Delaney havia atropelado um garotinho, que agora está em coma e ninguém sabe se vai acordar. Consumida pela culpa, ela se isola de todos ao seu redor. Caberá a Danny e seu pai impedir que a família se despedace.


:) :,( ;) :D :-/ :? :v X( :7 :-S :(( :* :| :-B ~X( L-) =D7 :-w s2 \m/ :p kk

0 comentário

Postar um comentário