Resenha : Sedução da Seda, de Loretta Chase


Livro: Sedução da Seda
 Autor (a): Loretta Chase
Editora: Arqueiro / Gênero: Romance de Época
Páginas: 304 / Ano: 2016
Série: As modistas - livro 1
Skoob

     Oi pessoas queridas que acompanham o blog! Tudo bem? Hoje vou trazer a resenha de mais um livro de época que arrematou o meu coração! rsrs... o livro é Sedução da Seda, de Loretta Chase, publicado pela editora Arqueiro, que está publicando um livro de época mais interessante que o outro. Este faz parte de uma série, chamada As Modistas, que trarão pelo jeito mais 3 livros depois deste.



     Neste livro vamos conhecer Marcelline Noirot, a irmã mais velha de três talentosas proprietárias de um ateliê londrino. Marcelline ama o que faz - vestir bem as moças de Londres é seu maior desafio. Coloca amor em cada nova peça de roupa e tem certeza de que é a melhor modista de todo o mundo. Mas Marcelline além de tudo é ambiciosa ao extremo. Ela quer vestir duquesas, quer que sua loja seja reconhecida por toda a Londres e quer acabar de vez com a concorrência - uma lojinha insignificante que existe logo ao lado, que só vende trapos, segundo ela mesma. 



     Essa ambição desenfreada vai fazer da vida de Marcelline uma tremenda Montanha Russa. Ela parte à Paris, afim de seduzir o duque de Clevedon. Mas não é uma sedução comum - ela não o deseja como seu homem, nem quer fazer dele seu amante. Na verdade ela só quer o seduzir ao ponto de que sua futura esposa, lady Clara Fairfax, a que todos acreditam que será a nova duquesa, frequente sua loja e espalhe às suas amigas os belos trajes que Marcelline costura. Marcelline só pensa na prosperidade de sua loja, na segurança de suas irmãs e na de sua filha - seu maior amor no mundo. 


Sua mente parecia ser um livro aberto para aquela mulher, que já havia passado pelo sumário e a introdução, indo diretamente ao primeiro capítulo. 

    Mas Marcelline não estava preparada para o Duque. Não estava preparada para a ambição do mesmo - tão grande quanto a sua. O Duque é insistente - quer tudo ao seu modo e à sua hora. Quando percebe que Marcelline está tirando o corpo fora e que só serve de interesse para seus negócios, o Duque de Clevedon se vê ainda mais motivado a conquistar essa modista impetuosa, linda e cheia de mistérios. Começa então uma disputa entre gato e rato que é deliciosa de assistir. 


Ele tocou a pelica macia com os lábios. Um aroma leve, porém exótico, lhe subiu ás narinas. Seria jasmim? Ao levantar a cabeça, encontrou um olhar profundo como a meia-noite. Por um longo e palpitante momento, seus olhos se encontraram.

     Me identifiquei muito com Marcelline, uma mulher impetuosa, forte, extremamente focada em seus objetivos. Mas até os mais fortes se vêm balançados frente ao amor. Uma história cheia de reviravoltas, onde sua filha, a pequena Lucie, ou melhor, Erroll (a menina é cheia de imaginação, uma graça, e quer ser chamada de outro nome a todo momento rsrs), que faz todo mundo se apaixonar por seus olhos azuis se mete em confusões infinitas, me fez sorrir em muitas partes do livro e que foi peça fundamental para unir esse improvável casal. 


Poucas semanas se passaram desde que a conhecera, mas parecia que a desejava havia séculos. Parecia uma eternidade, na qual vivera de sonhos, fantasias e lembranças que o assaltavam, assombrando seus dias e noites. Agora, ele se sentia vivo, finalmente, depois de passar a vida inteira como um sonâmbulo. 

     Recomendo a leitura, para quem ama romances de época e quer ler algo diferente. Não tinha lido nada igual nessa linha até agora, fiquei muito interessada nos modelos de roupas sitadas no livro, ler palavras tão diferentes sobre tecido me deixou cheia de sonhos - e com uma vontade tremenda de vestir todos os vestidos lindos que aparecem nos livros, me sentir também uma duquesa. O livro não peca em detalhes excessivos o que deixa a leitura bem fluída, e é tudo que esperamos nesses romances de época avassaladores - que nos façam nos apaixonar e apaixonar. O livro cumpre o seu papel. 


Não foi um beijo de rendição, mas do tipo tapa na cara. A boca de Marcelline tocou a dele e se abriu corajosamente. A colisão fez o corpo dele vacilar. Era como se tivessem sido amantes muitos anos antes e agora se odiassem, e as duas paixões se fundiram em uma só: poderiam lutar ou se amar, pois seria a mesma coisa. Ela segurou com força a mandíbula de Clevedon. Se tivesse enfiado os dedos nos rosto dele, teria sido uma consequência quase natural: era esse o tipo de beijo. 



Sinopse:
Talentosa e ambiciosa, a modista Marcelline Noirot é a mais velha das três irmãs proprietárias de um refinado ateliê londrino. E só mesmo seu requinte impecável pode salvar a dama mais malvestida da cidade: lady Clara Fairfax, futura noiva do duque de Clevedon.
Tornar-se a modista de lady Clara significa prestígio instantâneo. Mas, para alcançar esse objetivo, Marcelline primeiro deve convencer o próprio Clevedon, um homem cuja fama de imoralidade é quase tão grande quanto sua fortuna.
O duque se considera um especialista na arte da sedução, mas madame Noirot também tem suas cartas na manga e não hesitará em usá-las. Contudo, o que se inicia como um flerte por interesse pode se tornar uma paixão ardente. E Londres talvez seja pequena demais para conter essas chamas.
Primeiro livro da série As Modistas, Sedução da seda é como um vestido minuciosamente desenhado por Loretta Chase: de cores suaves e românticas em alguns trechos, mas adornado com os detalhes perfeitos para seduzir.





2 comentários:

  1. Estou louca pra ler os livros dessa autora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ari, gostei muito viu, bem diferente dos últimos que li!
      :)

      Excluir
:) :,( ;) :D :-/ :? :v X( :7 :-S :(( :* :| :-B ~X( L-) =D7 :-w s2 \m/ :p kk